Documentário: Muito Além do Peso (2012)

Por Karine Kahl

Hoje em dia, um terço das crianças brasileiras está acima do peso. Esta é a primeira geração a apresentar doenças antes restritas aos adultos, como depressão, diabetes e problemas cardiovasculares. A obesidade é um dos casos de saúde pública mais alarmantes atualmente, e é justamente sobre isso que a diretora e roteirista brasileira Estela Renner aborda no documentário Muito Além do Peso. O filme fala sobre o consumo de alimentos não saudáveis, como fast-foods, refrigerantes, que é uma prática comum entre crianças pelo Brasil inteiro.

O longa reúne uma série de entrevistas com médicos e especialistas, tanto brasileiros quanto estrangeiros, avaliando as consequências do sobrepeso infantil e quais são as origens sociais e econômicas do mesmo. A diretora ainda compara o contexto brasileiro com o internacional, mostrando como a doença pode ganhar novos contornos em áreas diferentes.

Nesse contexto, as empresas alimentícias são apontadas como grandes vilãs da história toda, principalmente por conta das acusações de omissão de informações importantes ao consumidor, para manter a atratividade do produto em função das campanhas publicitárias voltada às crianças.

Não é que precise parar de consumir, só é preciso fazê-lo conscientemente e aliado a outras práticas saudáveis de vida, principalmente os esportes. O filme está disponível na íntegra e pode ser assistido abaixo.

Muito além do peso (Way Beyond Weight, 2012)
Direção: Estela Renner
Duração: 85 min

REFERÊNCIA:

Site de Entretenimento “A Gambiarra”.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s